Férias x EstudoFérias x Estudo

 

As Férias chegaram e agora?

 

Olá, caríssimos e caríssimas

 

Estou estreando hoje minha coluna “Orientação de Estudos” nesse blog, espero que gostem. Nossa…usei o termo “coluna”, que coisa de “velho”!kkk

 

Mas o mais importante é que vocês gostem e acompanhem meus posts quinzenais. Então vamos ao que interessa!

 

Finalmente as sonhadas férias chegaram! Ufaaa…essa maratona de estudos já estava fritando nossos neurônios.

 

Mas a pergunta que sempre vem à tona nessa época é: agora é hora de esquecer os estudos e curtir as férias ou focar ainda mais nos estudos?

 

Você está de férias e ninguém vai tirar isso de você. No entanto, é preciso se lembrar da máxima: enquanto você está se divertindo, tem alguém estudando para conquistar uma vaga no vestibular. Então, vale fazer uma forcinha neste ano. O estudo pode ser comparado ao exercício físico: se você está acostumado a se exercitar sempre, alguns dias parado fará com que você encontre mais dificuldade na hora de retomar às atividades.

 

Cada minuto do seu tempo é precioso e separar alguns momentos deste período de férias para dar uma revisada no conteúdo pode ser o diferencial para a aprovação.

 

Na hora de escolher o que vai estudar nas férias é importante a pessoa pensar qual é a sua maior necessidade no momento. Por exemplo, se ela tem dificuldades em exatas, é hora de investir nisso, refazendo aqueles exercícios que mais quebraram a sua cabeça no primeiro semestre. Já se está com dificuldades em humanas ou biológicas, que tal montar um mapa conceitual ou resumos esquemáticos dos conteúdos que você ainda não domina? 

 

No entanto, ninguém aqui está falando para você estudar demais, pois isto também pode ser prejudicial para o desempenho em todo o segundo semestre.

 

A estafa e o desgaste mental atrapalham o raciocínio e dificultam o aprendizado. Para ajudar você a equilibrar a equação “Estudo x Férias”, confira algumas dicas.

 

#Dica 1: Estabeleça horários certos para pegar firme nos estudos e tente fixá-los no seu dia a dia. Por exemplo: estude pela manhã e fique livre à tarde. Ou vice-versa. O importante é perceber em qual momento seu rendimento é maior.

 

Jamais, nunca, sob hipótese alguma ative o despertador nas férias. A menos que você esteja fazendo um curso ou realmente precise acordar cedo. Caso contrário, priorize o sono. Nas férias, está liberado recuperar o ZzZzzZz perdido.

 

Ahhh, MUITO CUIDADO!  Estudantes que aproveitam as férias para passarem noites em claro vendo séries ou jogando videogames estão correndo o sério risco de acabarem o mês de julho mais cansados ainda.

 

#Dica 2: Estude e divirtam-se!

Neste cenário, por que não unir o útil ao agradável? Atividades como ir a peças de teatro com encenações originadas de livros que caem no vestibular, frequentar museus ou assistir filmes que falam de momentos históricos importantes podem te ajudar a distrair a cabeça sem perder o contato com os conhecimentos importantes para o vestibular. 

 

#Dica 3: Coloque sua leitura em dia!

Ler também é uma forma de estudar, quando você lê acaba conhecendo palavras novas e aprende a escrever melhor e claro, falar. Então aproveite suas férias para ler bons livros, escolha alguns que estavam esquecidos no armário, tire a poeira deles e volte a ler.

Não se esqueça de ler outras coisas também, como jornais e revistas que são importantíssimos para deixá-lo conectado com o mundo. Afinal, atualidades também é caem no vestibular.

 

#Dica 4: Mente e corpo saudáveis!

Praticar uma atividade física é importante em qualquer época, ela vai ajudá-lo a ter mais energia e se sentir melhor para estudar.

 

Agora é só colocar em prática as dicas dadas e aproveitar as suas férias.

 

 Boas férias!

 

Prof. Thiago Postal

(Diretor Pedagógico do Grupo Integração)